Brasil não valoriza bom professor, diz Banco Mundial

“Dentro de cada escola, há uma variação enorme entre as práticas do melhor para o pior professor”, disse. “O positivo disso é que já existe uma maior possibilidade de difusão de boas práticas dentro das escolas. O problema é que todos são tratados da mesma forma, mesmo aqueles com desempenho muito diferenciado. Os bons não recebem incentivo, os ruins não sofrem consequências.”

Advertisements
This entry was posted in Uncategorized and tagged . Bookmark the permalink.