Aluno do DinaMO apresenta trabalho no IMBIZO 5, em Woods Hole.

This slideshow requires JavaScript.

O aluno de doutorado do DinaMO, Avelino Langa, apresenta o seu trabalho “The impact of daily wind stress and heat fluxes on the seasonal variability of chlorophyll and primary production in the Northern Mozambique Channel” no congresso Internacional IMBeR IMBIZO 5, ocorrido na Woods Hole Oceanographic Institution, em Woods Hole-MA, entre os dias 2 e 5 de Outubro de 2017.  Avelino contou com suporte financeiro da NOAA para a sua participação no evento.

Advertisements
Posted in Uncategorized | Tagged ,

NOAA financia aluno DinaMO para participação na conferência IMBeR IMBIZO5

A  National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA) concedeu apoio financeiro ao estudante do DinaMO, Avelino Langa, para custear as despesas de participação no congresso Internacional IMBeR IMBIZO 5, que ocorrerá na Woods Hole Oceanographyic Institute,  em Woods Hole-MA, entre os dias 2 e 5 de Outubro de 2017. O congresso, com o lema “Marine biosphere research for a sustainable ocean: Linking ecosystems, future states and resource management”, tem como principal objetivo entender, quantificar e comparar o funcionamento dos ecossistemas marinhos no contexto histórico e atual para prever e projetar cenários de mudanças climáticas, com vista a garantir a sustentabilidade dos oceanos.
O trabalho,  desenvolvido no DinaMO, tem como título “The impact of daily wind stress and heat fluxes on the seasonal variability of chlorophyll and primary production in the Northern Mozambique Channel”  e enquadra-se no subtema “Critical constraints on future projections of marine systems” cujos esforços resumem-se em estabeler melhorias nos resultados dos modelos de ecossistemas marinhos tendo em conta as principais forçantes que os regulam.

Posted in Uncategorized | Tagged ,

Novo trabalho do DinaMO : “Wind-induced subduction at the South Atlantic subtropical front”

O trabalho fala sobre a importância de processos de submesoscala na interação do oceano superior com o vento e as prováveis consequências desta interação na subducção de águas modais em regiões frontais. O trabalho foi publicado no volume especial da 48º Colóquio de Dinâmica Oceânica de Liége, realizado na cidade belga em maio de 2016. Este volume especial conta ainda com outro trabalho desenvolvido no DinaMO, parte do mestrado do egresso do PPGOFQG Juan G. C. Perez.

Link para o artigo: https://doi.org/10.1007/s10236-017-1090-z .

Link para o artigo de Juan Perez: https://doi.org/10.1007/s10236-017-1079-7 .

Posted in papers | Tagged , ,

Novo trabalho do DinaMO publicado na revista Ocean Dynamics

Trabalho oriundo da tese de mestrado do ex-aluno do DinaMO, Juan G. C. Perez, foi recentemente publicado na revista Ocean Dynamics. O trabalho aborda a importância de processos de meso- e submesoscala na dinâmica oceânica do Mar do Caribe.  O M.Sc. Juan G. C. Perez é, atualmente, aluno de doutorado no CICESE, México.

Link para o trabalho .

Posted in Uncategorized

Parentheses Are (Are Not) for References and Clarification (Saving Space)

Join the movement 

Posted in Uncategorized | Tagged

Novo artigo do DinaMO

Trabalho do doutorando Rodrigo Mogollón sobre efeitos do ENSO na parte norte da Corrente de Humboldt acaba de ser publicado no Journal of Marine Systems.

Link para o artigo: http://dx.doi.org/10.1016/j.jmarsys.2017.03.011

Screen Shot 2017-04-01 at 11.35.35 AM

Posted in Uncategorized

Lançamento do site do programa ARGO Biogeoquímico

O programa ARGO Biogeoquímico é uma extensão do programa de flutuadores ARGO que inclui flutuadores equipados com sensores de pH, nitrato, oxigênio, clorofia, partículas em suspensão e irradiância. Os novos sensores permitem a observação de propriedades biogeoquímicas com acurácia suficiente para estudos climáticos, com grande potencial de transformar a nossa capacidade em observar e prever os efeitos das mudanças climáticas  em processos ecológicos no oceano.

Já existem diversos flutuadores em operação no Oceano Atlântico Sul e é de interesse do programa que estes dados, disponíveis publicamente, sejam utilizados da melhor forma possível tanto em suas respectivas pesquisas como em atividades didáticas.

O site recentemente lançado contém informações  sobre os flutuadores, objetivos científicos, acesso aos dados bem como detalhada bibliografia :

http://biogeochemical-argo.org/

É importante que a comunidade oceanográfica brasileira e latino-americana contribua tanto cientificamente quanto na manutenção, desenvolvimento e novos lançamentos de flutuadores em regiões de interesse.

Posted in argo, Observing systems